Eu conheci a Larissa Andrade em 2014, durante o Primeiro Encontro Europeu de Blogueiros Brasileiros em Barcelona e foi simpatia à primeira vista. Aqui ela fala sobre como é morar na Espanha, o que mais gosta no país e dá dicas para quem quer seguir o mesmo caminho. Acompanhe as aventuras de Larissa no blog ¡Esto es Madrid, Madrid!

 

Uma brasileira em Madrid.

Olá, eu sou Larissa, paulista, 29 anos, jornalista. Moro na Espanha há quase quatro anos, mas a minha história com esse país ibérico começou há mais de dez anos, quando vim à Espanha pela primeira vez para fazer um curso intensivo de espanhol durante quase um mês.

Mas foi em 2011 quando vim para ficar mais tempo. Decidi vir para fazer um mestrado em Psicanálise e Teoria da Cultura, um tema que sempre me apaixonou. Por que a Espanha? Porque já falava espanhol com fluência – o que era uma exigência da universidade – e porque o curso e o custo de vida aqui são mais baratos que em países com a Inglaterra, por exemplo. Além disso, a Espanha oferece algumas vantagens que eu considerava importantes, como o fato de ser o país europeu que recebe o maior número de estudantes do programa Erasmus; um transporte público eficiente e relativamente barato (agora aumentou muito) e um clima agradável.

Claro que quando cheguei, eu nem sonhava em ficar aqui. Não porque não quisesse, porque eu já queria muito, mas porque era inviável em diversos aspectos, especialmente porque eu tinha apenas um visto de estudante de um ano. A saída foi me matricular no doutorado e contar com o apoio da família no Brasil, que deu uma força financeira, e do namorado espanhol, que conheci aqui durante o mestrado.

Uma das dicas que sempre dou para quem vem é: faça novos contatos e mantenha os contatos feitos no Brasil, inclusive profissionais. Digo isso porque uma das coisas que me permitiu seguir aqui eram as reportagens que escrevia como freelancer para o Brasil.

O blog surgiu exatamente nesse momento em que decidi que iria morar na Espanha, como uma forma de fazer novos contatos, mostrar meu trabalho e, quem sabe, ajudar algumas pessoas que pensavam em vir pra cá. 

Depois de mais de dois anos de blog, recebo vários e-mails de pessoas que pensam em vir, seja para estudar, trabalhar ou arriscar a sorte e sempre respondo com sinceridade, mesmo que a verdade não seja muito agradável de se ouvir.

A Espanha é um país incrível. Não é à toa que recebe anualmente milhões de turistas, um volume que supera – e muito – o número de habitantes desse país. Por quê? Porque a Espanha tem de tudo: praia, montanha, deserto, neve, uma gastronomia incomparável, patrimônio cultural e histórico e as melhores “fiestas” do mundo! Mas morar aqui é outra coisa, especialmente nos dias de hoje, já que a crise econômica se mantém, os índices de desemprego são altos e alguns aspectos do custo de vida aumentaram muito, como é o caso do transporte público ou dos cursos universitários. Cada um tem a sua trajetória e os seus objetivos e sonhos ou, para ser mais direta, “cada um sabe onde o calo aperta”. O que eu quero dizer com isso é que às vezes morar longe implica em renunciar a algumas coisas em nome de outras e, no meu caso, eu sei que profissionalmente eu estaria bem melhor no Brasil do que estou aqui. Se eu priorizasse a carreira, provavelmente teria voltado, mas preferi ficar aqui por outros motivos, como a qualidade de vida e segurança. 

Por isso, sempre digo: se você sonha em morar em outro país, vá! Mas antes pesquise, converse com outras pessoas que moram na região, se possível, visite o lugar onde planeja morar antes de ir definitivamente. Se tudo der certo, ótimo! Se não der, pense que o mundo é grande demais e que há muitas oportunidades espalhadas por aí – às vezes, até mais perto do que imaginamos.

 ¡Esto es Madrid, Madrid! no Facebook

Edição Especial online e gratuita – Brasileiros Mundo Afora Inverno

O inverno documentado por brasileiros mundo afora: uma noiva que fez um „trash the dress“ na neve, um lago congelado, a Aurora Boreal, um por-do-sol colorido de inverno clicado sem filtro algum, o ponto mais alto da Alemanha, o encantador Castelo de Neuschwanstein, a Rússia, uma atleta correndo na neve, a fascinante Patagônia, a bela Suíça. Colaboradores desta edição: Dan Castilho, Cristina Francisco, Ana Schuller, Kilian Schuller, Evian Rose Santos, Luciano dos Santos, Lorena Bärschneider, Gina Furukawa, Ana Cassiano, Lila Rosana, Ana Elisa de Melo Audun, Patrícia Takehana, Lillian Brandão, Helder Ribeiro, Claudia Pegoraro, Monique Bianchi Ribeiro, Marisa Pedro Pfeiffer, Ralf Bömmels.
Inverno em fotografias de brasileiros mundo afora

A nova revista está disponível em duas versões gratuitas:

Leitura online – para quem tem uma boa conexão de internet e quer ler online no tablet ou celular Android ou no PC. Edição Especial Inverno Mundo Afora 


Versão PDF – ideal para quem quer ler confortavelmente offline no tablet, celular Android ou no PC. Basta assinar a nossa Newsletter! Não se preocupe: nós nunca vamos passar o seu e-mail para terceiros, nem vamos encher a sua caixa postal de propaganda. A nossa missão é compartilhar conteúdo excelente. Se você não gostar pode sair a hora que quiser!